Mundo Informatico

Um Mundo sem fim


Adesão do Windows 10 Mobile já atingiu os 15%


A chegada do Windows 10 Mobile aos dispositivos móveis da Microsoft veio finalmente colocar em marcha mais um processo de actualização, que há vários meses era esperado. Passada uma semana sobre o seu lançamento, surgem os primeiros números da adopção deste novo sistema operativo e o cenário pode ser considerado satisfatório para a Microsoft.



image16

Ao contrário do lançamento do Windows 10, que foi disponibilizado de imediato a todos os que antes o tinham pedido, a versão móvel não está ainda disponibilizada de forma total. O processo de actualização tem de ser iniciado de forma manual pelos utilizadores, através da instalação da app Upgrade Advisor e isso está, para já, a afastar muitos dos utilizadores. A somar a isso há a limitação imposta pela Microsoft, que deixou de fora todos os equipamentos com 512MB de RAM, o que deixa de fora no imediato quase 50% dos utilizadores.



image13

É normal que a adesão do Windows 10 Mobile no universo Microsoft esteja ainda limitada e abaixo das versões anteriores. Do total de equipamentos que estão activos, apenas 7,7% correm já esta última versão. O grande dominador é, tal como se esperava, a versão anterior. O Windows Phone 8.1 tem 81,1% e é a versão mais usada. É curioso reparar que a versão 7 tem ainda quase 4%, o que é um valor elevado, dada a sua idade. Quando o Windows 10 Mobile começar a ser disponibilizado de forma automática aos dispositivos móveis, este número deverá alterar-se, mas alterando os valores apenas entre o Windows Phone 8.1 e o Windows 10 Mobile.



image14

A adopção do Windows 10 Mobile, nos dispositivos que o suportam, está já situada nos 15,2%, o que é um valor que pode ser considerado bom, uma vez que a actualização é ainda um processo que envolve algum grau de conhecimento e terá de ser despoletado pelo utilizador. Não sendo um processo automático e que requer apenas uma autorização do utilizador, acaba por afastar muitos dos potenciais utilizadores, para já. Ao abranger apenas 50% dos dispositivos activos, a adesão do Windows 10 acabará por estar limitada e os seus números não vão ter o impacto das actualizações de outros sistemas operativos, que têm uma possibilidade de adesão mais alargada.



image15

Os números apresentados são da autoria da AdDuplex e revelam que o Windows 10 Mobile está a tornar-se atractivo para os programadores ao ter uma excelente potencialidade de crescimento. Quando as operadoras, em conjunto com a Microsoft, o disponibilizarem de forma massiva e acessível estes números vão alterar-se. Os 15,2% apresentados não é um número de excelência, mas mostra que a plataforma que muitos deram por acabada e prestes a morrer afinal está ainda bem saudável e com grandes potencialidades de crescimento.